#Improbidade Adminis
Prefeito Aldo Andrade é acusado de perseguir servidores que apoiaram candidato adversário.
Prefeito Aldo Andrade é acusado de perseguir servidores que apoiaram candidato adversário.
10/02/2021 17:42
Por:
Fonte: Dedé Lima
219

A presidenta do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Bernardino Batista, professora Anastácia Andrade está denunciando o prefeito Aldo Andrade (Cidadania) por ato de improbidade administrativa.

Segundo a presidenta Anastácia Andrade, cerca de doze professores da Rede Municipal foram removidos  por perseguição política por terem apoiado o candidato adversário no último pleito.

 "Existem professores que foram removidos para o Distrito de Cajazeirinhas distante seis quilômetros da sede e para a Comunidade de Jua distante  cerca de dez quilômetros ", denuncia Anastácia Andrade.

 "Ficou comprovado que o prefeito  Aldo Andrade (Cidadania) praticou atos administrativos com desvio de finalidade e abuso de poder, em detrimento do interesse público, com o único intuito de prejudicar alguns servidores públicos municipais, seus adversários políticos", revela  Anastácia Andrade.

Um dos profissionais da educação  que foi removido foi o vereador da oposição, professor Ruy (PP).

 "A perseguição é uma forma de mostrar aos demais colegas de repartição que aquele modelo não deve ser seguido. Coragem para denunciar é uma das principais virtudes que o servidor assediado deve ter, caso queira dar um basta à opressão", avalia a presidenta do Sindicato.


Trata-se da desobediência a preceitos constitucionais básicos que norteiam a administração pública. Essa situação configura assédio moral, pois sobressai nítida a intenção de prejudicar os servidores, desmoralizando-os e humilhando-os, quer pessoalmente, quer perante os outros servidores públicos. Caracterizou-se efetivamente a improbidade administrativa em razão do desrespeito, por parte do prefeito, aos princípios constitucionais que norteiam toda a atividade administrativa.

 

Autora: Anastácia Andrade 
Presidenta do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais  de Bernardino Batista.